• NOTICIAS

      15/12/2017 | Suzikelli Souza - médica endocrinologista

      ENDOCRINOLOGISTA SUGERE BEM MAIS DO QUE PROMESSAS PARA O ANO NOVO

      A interação entre cabeça e coração – razão e prazer são fundamentais para a saúde das pessoas. Para a médica endocrinologista, Suzikelli Souza, a composição corporal é um dos aspectos mais específicos e sensíveis para a análise da saúde de uma pessoa. Ela segue um protocolo para através do exame de bioimpedância localizar a gordura visceral – “a verdadeira vilã da saúde das pessoas”.

      No final do ano são inevitáveis os balanços do que se foi e as promessas para o que virá. Entrar em forma, ser menos estressado e ter saúde melhor e mais qualidade de vida certamente estarão em algumas dessas listas – separados ou todos juntos. Para a médica endocrinologista, Suzikelli Souza, adepta da Medicina Preventiva, uma boa saúde e maior qualidade de vida pressupõem uma alimentação saudável e equilibrada durante todo o ano. “Não adianta querer chegar às festas de fim de ano e no caso brasileiro, no verão e desejar estar em forma, sem nenhum tipo de programa e esforço para isso. Inclusive no caso de empresários e executivos, são associados outros fatores – estresse elevado, grande quantidade de trabalho, pouco descanso e cobranças excessivas, que podem resultar em altas doses de frustração”, explica.

      Para a médica Suzikelli Souza, o final do ano e início do próximo é uma boa oportunidade para que as pessoas estabeleçam metas possíveis de serem cumpridas e deem um upgrade na qualidade de vida, aliando boa alimentação e atividade física regular. Segundo ela, não importa a idade, sempre é possível viver com qualidade e executar as atividades que se deseja, prevenindo assim as doenças oportunistas. “Para isso recomendo que se use a cabeça e o coração, unindo a racionalidade e o prazer para que se busque a alimentação ideal. A minha avaliação como endócrino, não está focada no peso da pessoa, mas sim em um conjunto de fatores. Um problema de saúde não se manifesta no momento, mas geralmente começa cinco anos antes”.

      BioimpedânciaSuzikelli Souza afirma que as pessoas precisam criar uma rotina de saúde, um programa com logística e estratégia para atingir seus objetivos de longo prazo, muito além das promessas de Ano Novo. Para isso a médica conta com um poderoso aliado técnico – o ainda pouco conhecido exame de bioimpedância. Com a utilização desse aparelho de bioimpedância, a médica segue um protocolo para analisar a composição corporal, principalmente a localização da gordura visceral, “que não é palpável e nem visível, mas é a grande vilã da saúde”.

      Composição Corporal – Conforme Suzikelli Souza, a composição corporal é um dos aspectos mais específicos e sensíveis para a análise da saúde de uma pessoa. A forma como os volumes de gordura e de água estão distribuídos pelo corpo humano permitem avaliar a saúde daquele organismo. Para quantificar esses volumes, a especialista utiliza o equipamento para exame de bioimpedância, de última geração, que mapeia as quantidades de gordura em todos os órgãos e partes do corpo e também o volume de água, nesse caso dentro e fora das células. Baseado no princípio da condutividade elétrica através do corpo humano, o exame com o aparelho de bioimpedância é rápido, prático e indolor. Pessoas de qualquer faixa de idade podem fazer esse exame, com exceção àquelas que tenham prótese de metal. Em poucos minutos, o software do equipamento gera uma gama enorme de informações sobre a composição corporal do paciente. Isso inclusive pode ser utilizado para a programação de exercícios localizados em áreas do corpo que apresentam maior quantidade de gordura.

      As informações obtidas através do exame de bioimpedância são fundamentais, por exemplo, para a avaliação médica do volume de gordura visceral, aquela que envolve os órgãos e que é tão temida por trazer os riscos de diabetes e de doenças cardiovasculares. Outro aspecto importante para análise é o acúmulo de água em determinadas partes do corpo humano, se manifesta através de edema ou inchaço e esse exame permite que o médico faça uma análise clínica do paciente.

      Foto:  Roncon & Graça Comunicações





  • VIP IN TOUCH

  • CONTACT

  • Revista Vip Virtual

  •