• COBERTURAS


      24/08/2017 | Abertura da Expoflora 2017
      Local: Holambra
      Cidade: Holambra / SP
      Cobertura por: Augusto Barretto

      Expoflora começa dia 25 em Holambra para dar as boas-vindas à primavera com 300 mil turistas

      A maior exposição de flores e de plantas ornamentais da América Latina está pronta para receber o público a partir da próxima sexta-feira. O evento segue até 24 de setembro, de sexta a domingo, e no dia 7, feriado da Independência, sempre das 9h às 19h, em Holambra (SP).

      A 36ª edição da Expoflora será aberta ao público na próxima sexta-feira, 25 de agosto, e segue até 24 de setembro, de sexta a domingo, e no dia 7, feriado da Independência, das 9h às 19h, em Holambra, a 140 km da capital paulista.

      A Expoflora é a maior exposição de flores e de plantas ornamentais da América Latina, sendo realizada para apresentar as novidades e as tendências da floricultura nacional para o consumidor final. A expectativa dos organizadores é receber cerca de 300 mil visitantes nos 16 dias de exposição.

      A Expoflora gera cerca de 1.800 empregos diretos e mais de 5 mil vagas indiretas. O reflexo econômico na região de Campinas (SP) chega a R$ 24 milhões (num raio aproximado de 80 quilômetros de Holambra). O evento tem o patrocínio da Coca-Cola, Crystal, Amstel, Ultragaz e Porto Seguro Auto e o apoio da Prefeitura Municipal da Estância Turística de Holambra e do Banco do Brasil.

      Entre os lançamentos e as novidades em flores e em plantas ornamentais estão os cactos mandacaru sem espinho; o cacto-coração; as mini-orquídeas phalaenopsis, que trazem cerca de 60 flores em suas hastes; os kalanchoes de vaso das variedades Chloe (laranja e com leve cheiro de mamão papaya) e Maxine (cor de rosa claro e com flores maiores, de 15 mm, contra os 9 mm das convencionais); a lantana bandana (própria para jardins, com mix de cores diferentes); novas cores das rosas Charm Candy Avalanche, caracterizadas por contar com um botão principal e de dois a quatro secundários para aumentar o volume dos buquês), entre outras.


      Mercado em alta
      Na contramão da crise, o mercado de flores prevê terminar 2017 com crescimento de 9% e faturamento estimado em mais R$ 7,2 bilhões. A otimização de custos, o investimento em novas variedades - a maior parte apresentadas na Expoflora-, a disponibilidade das flores e de plantas ornamentais cada vez mais próximas do consumidor nos pontos de venda e o planejamento no longo prazo feito pelos produtores são os fatores apontados pelo Ibraflor – Instituto Brasileiro de Floricultura - para os resultados positivos.

      Atrações
      Na Exposição de Arranjos Florais, diferentes festas são comemoradas em 12 ambientes, todos com criativos e exóticos arranjos florais criados pelos decoradores holandeses Jan Willem van der Boon e Jessica Drost, também trazendo os lançamentos, as novidades e as tendências em flores e em plantas ornamentais.

      Incluindo as reposições, são utilizados na decoração cerca de 2.000 vasos de flores e 262 mil hastes de mais de 300 espécies diferentes. As flores são doadas por cerca de 500 produtores das Cooperativas Veiling de Holambra e da Cooperflora.

      Chuva de Pétalas
      Entre as atrações, a que mais emociona os visitantes é a Chuva de Pétalas, que usa aproximadamente, em cada espetáculo, 150 quilos de pétalas coloridas (o que corresponde a 800 dúzias ou 18 mil botões despetalados um a um). As pétalas são lançadas por um equipamento especial sobre uma multidão ao ar livre. Diz a lenda que quem pega uma pétala ainda no ar tem seu desejo realizado.

      Realizada após a Parada das Flores todos os dias do evento às 16h30, a Chuva de Pétalas também pode ter uma segunda edição às 17h, quando o tempo permite e caso exista a disponibilidade de flores, desta vez lançadas a partir de um helicóptero, que faz com que o vento as espalhe pelas praças e alamedas de todo o parque.

      Na Mostra de Paisagismo, profissionais do setor apresentam sugestões de como as flores e as plantas podem ser usadas nas residências. São 19 ambientes que apresentam projetos paisagísticos e de decoração, trazendo as tendências da primavera/verão para inspirar o público.

      Os visitantes também podem fazer um passeio turístico por Holambra, conhecendo os aspectos da história e da arquitetura da ex-colônia holandesa. O passeio inclui a visita ao Moinho de Vento em tamanho natural e a um campo de flores. 

      Nos cinco palcos instalados próximos às praças de alimentação (Rosas, Lírios, Petúnias, Iris e Tulipas), a partir das 14h, são realizadas apresentações diárias do grupo de danças típicas holandesas, além de outras atrações. No Shopping das Flores, o público pode adquirir as flores e as plantas ornamentais produzidas em Holambra.

      São três pavilhões de exposição (Shoppings Vermelho, Verde e Azul), nos quais podem ser encontrados cerca de 250 estandes com produtos artesanais, industrializados e para decoração, além de móveis e de utensílios domésticos.


      Novidades gastronômicas
      A Expoflora, em seu parque de 250 mil metros quadrados, tem duas praças de alimentação com 16 lanchonetes e cinco restaurantes que oferecem, além de fast food, comidas nacionais e típicas holandesas. Todos os anos, o desafio é apresentar também novidades gastronômicas.

      Na edição de 2017, o destaque são as sobremesas no formato de flores, como a Appelbloem (flor de maçã na junção das palavras holandesas appel – maçã -, e bloem - flor), da Confeitaria e Restaurante Martin Holandesa, e a Flor da Terra (rosa de biscoito, bolo de chocolate triturado e brigadeiro de hortelã, tudo dentro de um vasinho), do Casa Bela. Tem, também, a torta Toffee com ganache de especiarias.

      O Oma Beppie criou uma versão do stroopwafel, um biscoito típico holandês tipo waffle recheado com calda de caramelo, agora com cobertura de chocolate.

      Para a criançada tem o Picolelé, “o picolé que você monta do jeito que quiser”, que a sorveteria Vanilla Ice traz como novidade. A base tem sabores variados - baunilha, pistache, chocolate, caramelo e menta – e a cobertura de chocolate (branco ou ao leite) pode ser escolhida na hora e montada com diferentes confeitos. A sorveteria ousou, ainda, na criação dos sorvetes de beterraba e de bacon, apostando no paladar de quem gosta de inovar.

      Os ingredientes típicos estão presentes em releituras de vários pratos, como o eisbein (joelho de porco), que agora vem desfiado junto com salsichões holandeses e escondidinho sob dois purês de batata e de queijos (Hollandse Verbogen). O Prato do Opa (vovô em holandês) traz filé mignon grelhado e servido com três purês típicos, molho de maçã verde e cebola échalote.

      Infraestutura
      O parque da Expoflora é enorme. Tem 250 mil metros quadrados e está estruturado para receber da melhor forma possível os milhares de turistas que visitam o evento anualmente. Há estacionamento com capacidade para cinco mil veículos em sistema rotativo, áreas de descanso com bancos à sombra das árvores, posto médico, sanitários, fraldário, bebedouros com água fresca, postos de informação, equipes de apoio e caixas eletrônicos.

      Com pouco mais de 13 mil habitantes, Holambra tem em seu nome a junção das palavras Holanda, América e Brasil. A cidade é, atualmente, grande produtora e o maior centro de comercialização de flores e de plantas ornamentais do Brasil. As duas cooperativas - Veiling e Cooperflora - respondem por 45% do mercado nacional de flores.

      Serviço:
      36ª Expoflora
      Localização: Holambra/SP
      Data: 25 de agosto a 24 de setembro, de sexta a domingo, e no dia 7 de setembro (feriado da Independência do Brasil)
      Horário: das 9 às 19 horas
      Ingressos: R$ 46,00
      Onde comprar: na bilheteria do Parque da Expoflora (nos dias do evento), no site www.ingressorapido.com.br ou com os representantes informados no site www.expoflora.com.br.
      Informações para o público: (19) 3802-1499 / (19) 3802-1421




  • VIP IN TOUCH

  • CONTACT

  • Revista Vip Virtual

  •