• COBERTURAS


      15/05/2011 | ABAL Campinas na Virada Cultural
      Local: Centro de Convivência Cultural
      Cidade: Campinas - SP
      Cobertura por: Augusto Barretto

      Matinal de Árias e Canções é programa da ABAL-Campinas na VIRADA CULTURAL

      Um elenco variado de vozes líricas, figurando os sopranos Vanessa Spíndola, os tenores Nunno Dellalio e Vicente Montero, o baixo Seiiti Isejima e o barítono José Luiz Águedo-Silva, com o pianista Carlos Wiik nos acompanhamentos, é a atração que a ABAL Campinas (Associação Brasileira Carlos Gomes de Artistas Líricos) apresentará na Virada Paulista, em concerto realizado  no palco interno do Centro de Convivência Cultural Carlos Gomes.


      Pela primeira vez, a ABAL Campinas participa da Virada Cultural, atendendo a convite da secretária de Cultura, Renata Sunega. A manifestação dos cantores líricos representa o resgate do mais tradicional e genuíno produto artístico de Campinas: a música lírica, semeada nesta terra pela família de Carlos Gomes. Remontando ao século 19, quando o jovem Tonico de Campinas optou em se tornar um compositor de óperas, a cidade se tornou um local onde a população acostumou-se a assistir grandes espetáculos musicais, operísticos, no Teatro São Carlos, construído no final de 1800, demolido e reconstruído na década de 1930 e que, mais tarde, seria denominado de Teatro Municipal Carlos Gomes. Nomes célebres como os tenores italianos Beniamino Gigli e Tito Schipa cantaram aqui em Campinas, nesse teatro, destruído em circunstâncias inexplicáveis em 1966.
       

      A ABAL Campinas é responsável por diversos programas artísticos idealizados para a popularização da música operística e canções de compositores eruditos e semi-eruditos em Campinas. Devendo completar em 18 de dezembro de 2011 uma trajetória de 30 anos desde o primeiro “Encontros Musicais”, realizados no saguão de entrada do Centro de Convivência, a entidade resultou de uma reunião realizada em outubro de 1981, na sede da Associação Campineira de Imprensa (ACI). No encontro foi criado o lema “Para Nossa Voz Queremos Vez” por um grupo de artistas líricos. Foi o início de mais de mil recitais já realizados até hoje por cantores, conjuntos de câmera, corais e declamadores, em diversos palcos de Campinas. Para poder realizar a série de recitais “Encontros Musicais” a ABAL Campinas reivindicou e obteve da Secretaria de Cultura o espaço existente no Centro de Convivência Cultural Carlos Gomes, em 1982.

      A ABAL Campinas é atualmente dirigida por uma diretoria executiva que faz um trabalho não remunerado, voluntário, e por associados contribuintes e honorários. Seu atual presidente para o Biênio 2010-2012 é o tenor Alcides Acosta. Integram os demais cargos diretivos Vicente Montero, vice-presidente, Marisilda Tescaroli, secretária, José Eduardo Gagliardi Florence Teixeira, tesoureiro, José Luiz Águedo-Silva, diretor artístico; Maria Aparecida Buccini, diretora social; Vera Pessagno Bréscia, diretora de Marketing e Eventos; e Wilson de Martini Marques, diretor adjunto. O Presidente Honorário Perpétuo é o saudoso tenor, Savério Palmieri.

       





  • VIP IN TOUCH

  • CONTACT

  • Revista Vip Virtual

  •